Viagens

Cruzeiro pelos Fjords da Noruega – Skjolden

July 19, 2016
_DSF9279

Skjolden foi o terceiro lugar que visitamos na Noruega durante o cruzeiro pelos fjords. Essa vila está localizada no Sognefjord, o maior fjord navegável do mundo. Com mais de 200km de comprimento, esse fjord era considerado a mais importante rota comercial há 1200 anos. Por volta da metade do século XIX, aventureiros descobriram a beleza magnífica da área e logo os turistas começaram a visitar a pequena Skjolden. Para explorar esse maravilhoso cenário norueguês, compramos uma excursão oferecida pelo navio que custou cerca de 200 doletas por pessoa. Essa foi a maior parada da viagem e o passeio durou 7 horas. Levando em conta que esse preço incluía o almoço (com sobremesa!), achei o valor bem justo.

Continue Reading…

Kiev

Projeto 6 on 6 – Улюблені туристичні пам’ятки (Uliubleni Turistitchni Pamiátki)

July 6, 2016
_DSF5160

Quem acompanha o blog já sabe que todo dia 6 de cada mês o projeto 6 on 6 aparece por aqui. O tema escolhido para o mês de julho é atrações turísticas favoritas ou Улюблені туристичні пам’ятки em ucraniano. Pesquisei no meu arquivo e selecionei 6 fotos que representam as atrações que não podem ficar fora do roteiro de quem visita Kiev.

A foto que abre o post é da igreja de Santo André que fica na Andriyivsky Uzviz ou Ladeira de André, uma rua charmosíssima cheia de restaurantes, galerias, museus e a feirinha que acontece todo fim de semana, onde você pode comprar sua lembrancinha da Ucrânia. Abaixo um exemplo de souvenir que demonstra o lado bem humorado do ucraniano. É nessa rua que fica a casa onde morou o escritor Mikhail Bulgakov e hoje funciona um museu dedicado a ele. Se quiser saber mais sobre essa rua é só clicar aqui.

Continue Reading…

Viagens

Cruzeiro pelos Fjords da Noruega – Olden

July 5, 2016
_DSF9204

Olden foi a segunda parada do cruzeiro e o ponto mais ao norte da Noruega que chegamos. A vila é o principal porto de destino de cruzeiros no Nordfjord. Segundo dados de 2013, a população dessa vila é de 498 habitantes. Vocês têm noção de que tinha MUITO mais passageiros no navio do que moradores na vila? Não consigo nem imaginar como é morar num lugar assim.

Esse é o tipo de lugar que faz você se sentir muito pequeno e insignificante no mundo e as fotos não fazem nenhuma justiça ao que é isso ao vivo. Na foto que abre o post dá pra perceber o tamanico do navio em relação à gradiosidade do lugar. E olha que o navio não é nada pequeno e eu fiz questão de colocar a foto abaixo para fazer a comparação (se não me engano o navio tinha 19 andares).

Continue Reading…

Viagens

Cruzeiro pelos Fjords da Noruega – Stavanger

June 24, 2016
_DSF9063

No post anterior, fiz um diário visual de Londres, onde passamos uns dias antes de pegar o navio rumo aos fjords noruegueses. No porto de Southhampton embarcamos no navio Emerald Princess. Foi a primeira vez que viajei de navio e também foi a primeira vez que pisei na Noruega. Muitas primeiras vezes nessa viagem neh? Confesso que nunca tinha passado pela minha cabeça visitar a Noruega, mas a oportunidade surgiu e eu fui. Se eu recomendo? Recomendo super. Maaaaaaaaaas vá com o bolso preparado porque o bagulho é tenso financeiramente falando.

Continue Reading…

Viagens

Primeira vez em Londres – Um diário visual

June 21, 2016
_DSF8883

Opa! Quem é vivo sempre aparece, não é mesmo? Demorei uma eternidade para conseguir editar as fotos de Londres e ainda nem toquei nas fotos da Noruega. É muita foto, minha gente… E eu sou do time das pessoas leeeeentas e não tenho paciência para ficar muuuuuitas horas editando, então editava um pouquinho a cada dia e deu nisso. Selecionei algumas fotos que resumem bem o que foi a viagem e não vou ficar contando mil informações porque Londres dispensa apresentações. Vou contar mais sobre as minhas impressões e tals, ok? Ok.

Continue Reading…

Viagens

Projeto 6 on 6 – Останнє місце призначення (Ostannie mistse priznatchennya)

June 7, 2016
_DSF9230

Chegando atrasada no rolê do 6 on 6 porque o tema escolhido foi “último destino” ou Останнє місце призначення em ucraniano e, como eu cheguei da última viagem no domingo, ontem ainda estava passando as fotos da câmera para o computador. No dia 24 de maio pegamos um avião rumo a Londres e depois pegamos um navio para fazer um cruzeiro pelos fjords da Noruega, então as fotos escolhidas para esse mês são um aperitivo do que foi essa viagem. Vale lembrar que junho é o mês que esse lindo projeto faz aniversário e a última foto representa a celebração dos 2 anos de existência dele.

Continue Reading…

Cultura

Ucrânia no Cinema: Encouraçado Potemkin

May 24, 2016
battleship-potemkin-poster

Já escrevi alguns posts sobre a Ucrânia no cinema, mas ainda não tinha falado sobre esse clássico do cinema mundial. Esse filme entrou na minha vida quando eu tinha uns 15 ou 16 anos de idade e não sabia nem apontar a Ucrânia no mapa. Meu pai pegou esse filme na locadora pra mim (e nem era DVD, era VHS mesmo) porque eu estava numa fase meio apaixonada pelos filmes do Charles Chaplin. Clássico, mudo e preto e branco? Check. Agora advinha se eu tive paciência para assistir? Lógico que não. O filme nem é longo nem nada, mas me faltava maturidade mesmo. Afinal, ele está bem longe de ser engraçadinho como os filmes do Chaplin.

Corta para 20 anos depois e eu mais madura, morando na Ucrânia e com viagem marcada para Odessa, cidade onde se passa a história. Momento perfeito para dar uma segunda chance para a película, ainda mais agora que o You Tube está aí para facilitar a vida da gente. E agora sim, tudo fez sentido e eu entendi o grande motivo desse filme ser um clássico do cinema mundial. A famosa sequência da escadaria é realmente FAN-TÁS-TI-CA. Especialmente quando você lembra que esse filme foi lançado em 1925. O diretor Sergei Eisenstein conseguiu transmitir a sensação de desespero de forma fenomenal. E agora todas as cenas clássicas de escada me fazem pensar que é uma referência a esse filme. Sério, se você gosta de cinema, precisa sentar e prestar atenção nele e em todos os símbolos usados para passar a mensagem que o diretor quis passar.

Continue Reading…

Viagens

Road Trip pela Ucrânia – Zhytomyr

May 21, 2016
_DSF8710

No caminho de volta para casa, decidimos parar em Zhytomyr, uma cidade que fica a 2 horas de Kiev. A princípio, esta parada não estava prevista no nosso roteiro, mas durante a viagem descobrimos que há um Museu dos Cosmonautas nessa cidade e, como já estava no nosso caminho mesmo, paramos para conferir. O museu leva o nome de Sergei Korolyov, um engenheiro espacial que nasceu em Zhytomyr. Logo em frente ao Museu dos Cosmonautas fica a casa onde Korolyov nasceu e hoje, ela é um museu dedicado à vida dele. Outra figura ilustre que nasceu nessa cidade foi Adolpho Bloch, dono das extintas Revista Manchete e Rede Manchete. Alguém aí cresceu nos anos 80/90 e assistia Clube da Criança com a Angélica e cançou de ouvir “Vou de Táxi”? E a novela Pantanal? Agora eu entendi porquê o pessoal daqui da Ucrânia conhece a novela Dona Beija. Não é muita coincidência uma novela da Rede Manchete chegar aqui? Ok, parei.

Continue Reading…

Viagens

Road Trip pela Ucrânia – Kamyanets-Podilsky

May 18, 2016
_DSF8624

Pegamos a estrada rumo à Kamyanets-Podilsky numa manhã de quarta-feira, mas antes fizemos uma parada na reserva ecológica chamada “Vale dos Narcisos” (долина нарцисів). Eles florecem a partir do final de abril até a metade de maio e o vale fica a umas 2 horas de Uzhgorod, então o incluímos no nosso roteiro. Quando visitamos, 70% dos narcisos tinham florescido. Essa espécie de narcisos corre perigo de extinção e a reserva faz parte da UNESCO desde 1992. Por isso há uma estrutura de madeira indicando até onde é permitido ir. Na foto abaixo dá pra ver as montanhas ao fundo, já que esta área também faz parte da Transcarpathia/Zakarpattia. O ingresso para entrar na reserva custa 15 UAH por pessoa (0,60 dólares).

Continue Reading…

Cultura

Botando a Ucrânia no mapa II

May 15, 2016
ESC2016timeline

A grande vencedora do Eurovision 2016 foi a cantora Jamala que representou a Ucrânia no concurso musical. Lógico que essa vitória veio acompanhada de polêmica neh. Não costumo acompanhar o Eurovision, mas pelo que eu li, a Rússia tentou desclassificar a artista alegando que ela apresentou uma música com cunho político e isso fere as regras da competição. O tema da música “1944” é a deportação dos tártaros da Crimeia por ordem do Stalin. Jamala dedicou a canção à sua bisavó que fazia parte do grupo étnico que foi expulso de sua terra nativa.

Continue Reading…