Viagens

Um dia tranquilo em Poznan

December 15, 2016

Comentei no post anterior que viajamos para a Polônia no final de novembro e essa viagem foi bem tranquila, sem muito planejamento porque a logística de viajar no inverno é meio complicada, já que os dias são curtos e ficar muito tempo na rua é meio incômodo. Acordamos tarde todos os dias e não fizemos muitas coisas, mas deu pra fazer umas fotinhas e comer muito bem. O motivo que nos levou a Poznan especificamente foi o show da banda The XX. Não conseguimos comprar ingressos para o show em Varsóvia porque esgotou em menos de 10 minutos, então compramos para Poznan. E foi assim que fomos parar na cidade que foi capital da Polônia entre 968 e 1038.

_dsf0256

_dsf0213

_dsf0216

Chegamos numa terça-feira à noite e o show era no dia seguinte, então fizemos uma programação bem leve para economizar energias. Acordamos e fomos caminhar despretensiosamente pelo centro antigo. Eu já tinha visto o vídeo sobre Poznan no canal Alemanizando e sabia que todos os dias ao meio dia rola a briga das cabras na torre da prefeitura (assista o vídeo se quiser saber a história das cabras e outras informações relevantes sobre a cidade). Não daria tempo de sentar num lugar para tomar café da manhã, então tomamos só um chocolate quente e aguardamos o relógio marcar meio dia. Achei bem engraçado todo mundo parado no frio, olhando na direção do relógio, esperando o “grande evento” acontecer hahaha.

_dsf0229

_dsf0225

_dsf0227

_dsf0223

Depois da épica luta das lendárias cabras de Poznan fomos caçar um lugar para fazer uma refeição com mais sustância. Acabamos almoçando no bistrô Pod Nosem, um lugar bem fofo e com comida simples e saborosa. A Polônia além de ser barata, todo mundo fala inglês. Saber um pouco de ucraniano ajuda a entender algumas coisas em polonês quando não há cardápio em inglês (contei nesse post que as duas línguas têm algumas semelhanças). A única pequena complicação que tivemos foi na hora de pegar o trem de Varsóvia para Poznan. A máquina onde você compra o bilhete tem a opção da língua inglesa, porém o bilhete é impresso em polonês e ficamos meio em dúvida se tínhamos comprado certo, mas confirmamos com um funcionário do trem e estava tudo ok.

_dsf0238

_dsf0202

_dsf0245

Depois do almoço, caminhamos mais um pouco pelo centro antigo até começar a nevar. Era aquela neve que vira chuva, então fomos nos abrigar num museu qualquer. Entramos no Museu dos Intrumentos Musicais só para aproveitar o aquecedor mesmo, afinal não somos músicos nem tocamos nenhum instrumento, apesar de gostarmos de música. É um museu pequeno e não tem nenhuma grande história sobre os instrumentos, mas deu para passar o tempo e esquentar. Quando saímos a neve tinha parado de cair.

_dsf0250

_dsf0247

Caminhamos de volta para o hotel para descansar um pouco antes de ir para o show. Mais tarde resolvemos jantar no próprio hotel antes de sair. Os portões estavam marcados para abrir às 18:30 e a gente queria garantir nosso lugar o mais próximo possível do palco. Quando chegamos lá já tinha uma fila e esperamos mais de uma hora até que os portões abrissem.

_dsf0263

_dsf0253

_dsf0260

Não conseguimos ficar grudados no palco, mas ainda assim ficamos perto e dava para ver a banda perfeitamente. O show foi lindo e me surpreendeu porque eu estava esperando algo bem escuro e sem interação com o público (como foi o show do Beach House em San Francisco em 2013), mas os integrantes estavam visivelmente emocionados depois de passarem mais de 2 anos sem fazer shows. Se não me engano, esse foi o segundo show dessa turnê e dava para perceber que eles estavam animados por poderem ter contato com o público novamente e ouvir todo mundo cantando as músicas junto. A Romy ainda é bem tímida, mas o Oliver me pareceu totalmente à vontade no palco. Há alguns vídeos desse show no You Tube e esse aqui mostra um momento fofo, quando o Oliver puxa a Romy para dançar.

E assim terminou nosso dia em Poznan e o último dia de novembro, fechando o mês com chave de ouro. No dia seguinte pegamos o trem para Varsóvia e passamos uns dias por lá.

 

You Might Also Like

12 Comments

  • Reply Taís December 15, 2016 at 8:53 pm

    Aiii que delicinha! Passar um dia numa cidade legal assim so andando e vendo a lendaria luta das cabras.. 😂
    A primeira vez que vi foto de Poznan fiquei doida pra visitar, ai vi o video tb no alemanizando e agora vc pra me deixar tentada de novo. Essas construções no centro são muito bonitinas. Nao vejo a hora de pisar na Polonia!

    • Reply Alessandra Araújo December 17, 2016 at 4:21 pm

      Taís, se você for pra Polônia, faça o favor de esticar pra cá tá? Poznan foi totalmente inesperada, se não fosse o show, acho que nem cogitaria ir pra lá. Mas a cidade é uma gracinha.

  • Reply Katarina Holanda December 15, 2016 at 10:36 pm

    Que delícia essa neve caindo. Saudade da sensação <3

    • Reply Alessandra Araújo December 17, 2016 at 4:23 pm

      Katarina, eu curto quando ela está mais sequinha. Quando não está tão frio ela vira chuva, aí não é legal.

  • Reply Izzy December 16, 2016 at 12:34 am

    Suas fotos: ❤! Que cidade mágica, Alê.
    Nunca dei muita bola pra The xx, mas você soube escolher a música citada no post. Que coisinha mais gostosa de ouvir! E ainda combinou com a atmosfera da cidade e com a sua foto na neve – em especial. E esse hostel? Haha!

    Um dia quero/vou visitar a Polônia e vou pedir um John Lemon. 🙂

    • Reply Alessandra Araújo December 17, 2016 at 4:28 pm

      Adorei que você pegou as referências das fotos, Izzy! No post sobre Cracóvia comentei que “O bebê de Rosemary” é um dos meus filmes preferidos, então não podia deixar de notar a placa desse hotel. E o John Lemon é bem autoexplicativo neh.

  • Reply KARINE December 16, 2016 at 3:11 am

    que post gostoso de ler, Alê <3 adorei seu relato e fotografias de Poznan, ainda tô apaixonada por essas construções tão bonitinhas 🙂

  • Reply Stefhanie December 19, 2016 at 5:21 pm

    Que delicia de momentos! E essa neve caindo? Me deu vontade de estar ai também.

    Beijos <3

    • Reply Alessandra Araújo December 20, 2016 at 4:48 pm

      Foi bem delicinha mesmo conhecer Poznan, Stephanie. Que bom que consegui passar essa sensação pelo post. Beijos.

  • Reply Luiza January 1, 2017 at 4:40 pm

    Sou apaixonada pela Polônia, sem nem bem por que, mas ó, morro de vontade de ir (só não no inverno, se eu já passo frio aqui que tem invernos amenos imagina num inverno do leste europeu? hahaha). Que graça de cidade, fotos e relato! E aproveito pra desejar um feliz 2o17, cheio de coisas boas pra ti. ♥︎

    • Reply Alessandra Araújo January 5, 2017 at 10:30 pm

      A Polônia é muito interessante e eu pretendo voltar mais vezes. Se tiver a oportunidade, vá mesmo! Obrigada e feliz 2017 para você também, Luiza! 🙂

    Leave a Reply