Cotidiano, Cultura, Kiev

Visita guiada ao Museu Bulgákov

August 7, 2018

Em março, participei de uma visita guiada ao Museu do Bulgákov que funciona na casa onde o escritor e sua família viveram entre 1906 e 1919. A casa localiza-se na histórica rua Andriyivsky Uzviz. Eu ainda não tinha visitado esse museu porque queria ao menos ler algo do escritor antes de conhecer a casa onde ele morou. Em 2016, li “O mestre e Margarida”, sua obra mais famosa. Fiquei bem animada quando fiquei sabendo sobre essa visita guiada. Já adianto que adorei conhecer a casa por dentro e compartilho as minhas fotos preferidas.

_DSF6699

_DSF6700

Fiquei impressionada com a quantidade de fotografias da família Bulgákov e, como adoro fotografias antigas, foi um verdadeiro deleite para os meus olhos. Alguns dos ambientes da casa foram redecorados com base nessas fotografias e o museu conta com 500 itens originais. Visitar esse museu é como atravessar um portal para a casa de uma família que viveu no início do século XX.

_DSF6667

_DSF6669

_DSF6670

O primeiro ambiente da casa é uma espécie de sala de estar com pianos, cadeiras, mesas e muitas fotos. O ambiente conta com alguns itens originais e outros feitos em gesso com base nos móveis que aparecem nas fotos originais feitas nessa sala. Os itens brancos representam simbolicamente o seu romance “Exército Branco”, onde ele descreve acontecimentos que se deram em Kiev entre 1918 e 1919.  A família de Bulgákov era bem ligada às artes, então desde muito jovem, ele escrevia peças que eram apresentadas por seus irmãos e irmãs. Em um nos pianos tem uma partitura de “Fausto”, obra à qual Mikhail Bulgakov faz referência em “O mestre e Margarida”. Em um dado momento, a guia ligou essa luz teatral azul que simboliza uma passagem para o universo imaginário de Bulgakov e seus personagens fantásticos.

_DSF6671

_DSF6672

_DSF6674

_DSF6675

_DSF6677

O ambiente seguinte foi decorado com base nas descrições de Bulgákov sobre o quarto da heroína do romance “Exército Branco”. Eu achei esse quarto da heroína uma fofura! <3 O museu é cheio de referências a essa obra e ninguém que fazia parte da visita guiada tinha lido, então nós boiamos em algumas explicações. A guia era uma senhora muito simpática que ficou visivelmente decepcionada quando soube que ninguém tinha lido esse livro (desculpaê!).

Mikhail Bulgákov trabalhou como médico durante o período que viveu em Kiev e atendia seus pacientes exatamente nessa casa onde hoje funciona o museu. Antes de montar seu consultório nessa casa, ele trabalhou na província de Smolensk e sua vida nesse período serviu de inspiração para a coleção de contos “A country doctor’s notebook”. Essa coleção de contos foi adaptada pela BBC na mini-série “A young doctor’s notebook” e os personagens principais são interpretados pelos atores Jon Hamm (Don Draper) e Daniel Radcliffe (Harry Potter), que inclusive é declaradamente fã de “O mestre e Margarida”. Alguém já assistiu essa mini-série? Ouvi falar bem, mas ainda não assisti.

_DSF6680

_DSF6686

_DSF6681

Após passar um período no Cáucaso, Bulgákov se mudou para Moscou e em setembro de 1921 fixou residência na rua Bolshaya Sadovaya 10, próxima ao Patriarch Ponds. As fotos abaixo representam o quarto dele no apartamento 50. Bulgákov quis sair de Moscou e reencontrar sua família que emigrou durante a guerra civil, mas nunca conseguiu. Vários de seus trabalhos foram censurados durante a era stalinista e pra mim, o passarinho preso na gaiola representa toda essa repressão de sua liberdade artística.

_DSF6682

_DSF6690

_DSF6684

Nas fotos abaixo, alguns detalhes da última sala da casa onde se encontram várias edições do livro “O mestre e Margarida” publicado em diferentes línguas e algumas pêssankas em frente a uma foto original da mesa localizada nesta sala arrumada para a páscoa.

_DSF6692

_DSF6695

_DSF6697

A visita terminou com um chá na varanda (que faz parte do pacote do passeio) onde trocamos ideias sobre a vida e a obra de Bulgákov. O chá é oferecido diariamente do meio dia às 18h, exceto às segundas e quartas. O museu funciona das 10 às 17h e fecha às quarta-feiras e está localizado na histórica Andriyivskyi Uzviz, 13.

 

 

You Might Also Like

3 Comments

  • Reply Katarina August 8, 2018 at 11:33 am

    A parte das fotos antigas também é o que mais toma minha atenção nos museus ❤ Que legal eles terem tantas coisas preservadas e a visita terminar de forma tão aconchegante. 🙂

  • Reply Uma semana em Moscou – Museus – Um Novo Destino October 5, 2018 at 7:30 pm

    […] de todos os escritores russos e escolhi visitar o prédio onde viveu Bulgákov porque esse ano eu tinha visitado a casa dele aqui em Kiev, li o livro dele, então fazia todo sentido visitar esse museu que além de tudo, fica na área da […]

  • Leave a Reply