Cultura

Je suis Femen – documentário

July 28, 2015

Mais Ucrânia no cinema? Sim! Estava eu procurando algo para assistir no Netflix e me deparo com esse documentário sobre o Femen, movimento feminista mundialmente reconhecido que nasceu em terras ucranianas e hoje tem filiais ao redor do mundo. Provavelmente você já viu na TV alguma notícia sobre esse grupo de garotas fazendo protestos sem blusa e com suas emblemáticas coroas de flores, típicas da cultura ucraniana. Antes de vir morar em Kiev, o Femen e o desastre de Chernobyl eram as únicas referências que eu tinha sobre o país.

O documentário tem direção do suíço Alain Margot e conta como o grupo feminista surgiu, com foco especial em sua criadora, Oksana Shachko. A organização surgiu em 2008 e Oksana explica que no início as garotas não faziam protestos mostrando os seios, mas um belo dia ela teve a ideia de tirar a blusa em um dos protestos e conseguiu atrair bastante atenção da mídia. Daí pra frente, o topless virou a marca registrada das meninas que passaram a pintar mensagens e símbolos em seus corpos, transformando-os em suas armas.

Femen2

O grupo luta contra o sistema patriarcal, o turismo sexual, o sistema ditatorial e até a favor da causa animal. Elas já foram presas várias vezes e correram bastante perigo na Bielorrússia, onde foram sequestradas e torturadas pela KGB. Depois de serem perseguidas, ameaçadas e sofrerem agressões, elas resolveram sair de Kiev e foram morar em Paris. De lá elas administram as atividades da organização e de suas filiais em outros países. O Femen chegou a ter uma representação no Brasil, mas o grupo decidiu dar um fim a ela depois de muitos desentendimentos e acusações das duas partes. Nessa entrevista a ex-líder do Femen no Brasil conta como tudo aconteceu. Mas vamos deixar as polêmicas de lado e assistir ao trailer do filme que é melhor neh?

Decidi assistir esse documentário porque o meu conhecimento sobre o Femen era bem superficial e eu gostei da forma como o diretor conduziu o filme, pois em nenhum momento ele se torna chato ou desinteressante. Oksana é uma artista e se dedica completamente às atividades do grupo. Gostei de ver que as garotas começaram a se posicionar em relação ao governo de Yanukóvytch bem antes da Euromaidan estourar. O que não ficou claro pra mim é quem banca as atividades do grupo (não acredito que o dinheiro venha apenas da venda de produtos pelo site) e senti falta de ver ações sociais mais voltadas para a conscientização em relação às questões de gênero. Fora isso, é inegável a importância da organização e com certeza elas foram responsáveis por inspirar o surgimento de outros protestos como a Marcha das Vadias, por exemplo. Portanto, vale a pena assistir, especialmente se você tiver interesse no tema feminismo.

Fotos: site oficial do Femen.

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply Mellanye July 30, 2015 at 8:14 pm

    Cada vez mais sou adepta do feminismo como doutrina social, acho extremamente importante, não só pra mulheres, mas como pra uma sociedade em geral. Eu não tinha ouvido falar nesse documentário ainda, e meu conhecimento sobre o Femen em si também é bem pouco, vou procurar pelo documentário e assisti-lo! Eu conheço a representante do femen no br, mas acho ela bastante patética em relação a opiniões… Mas, enfim.
    Muito grata pela indicação 🙂

    • Reply Alessandra Araújo July 30, 2015 at 11:32 pm

      Também acho super importante, Mellanye! Eu tb nunca tinha ouvido falar, descobri bem por acaso fuçando nos lançamentos do Netflix. Meu conhecimento era tão superficial que eu nem sabia que o Femen chegou a ter uma representação no Brasil. Descobri fazendo pesquisa para escrever esse post. Espero que você goste do doc. Beijos!

  • Reply BA MORETTI August 24, 2015 at 12:05 am

    caramba, nem sabia que tinha documentário disso. tô louca pra assistir!

  • Reply Winter on Fire – Ukraine’s Fight For Freedom – Um Novo Destino October 12, 2015 at 5:04 pm

    […] escrevi outros dois posts sobre a Ucrânia no cinema: esse e esse. Se alguém tiver indicações de filmes sobre a Ucrânia ou filmados aqui, me conte nos […]

  • Reply Leonardo Lakonski November 13, 2017 at 3:56 pm

    Я люблю фемен!!!
    https://www.youtube.com/watch?v=5h3DceMPuHU

  • Leave a Reply