Cultura

Mikhail Bulgákov – O Mestre e Margarida

September 12, 2016

No início desse mês terminei a minha primeira leitura de um autor ucraniano e, conforme prometido, vim aqui compartilhar mais uma experiência de imersão na cultura ucraniana (filosofei agora hein!). Escolhi “O Mestre e Margarida” para começar minha jornada na literatura ucraniana simplesmente porque ele é considerado um dos mais importantes e cultuados livros do século XX. Ele está na lista de livros favoritos de David Bowie, Patti Smith, Daniel Radcliffe (eterno Harry Potter) e inspirou Mick Jagger a compor “Sympathy for the Devil”, um clássico do rock. Franz Ferdinand e Pearl Jam também têm músicas inspiradas nessa história.

Acho que deu para perceber que eu tinha motivos o bastante para escolhê-lo como primeiro livro para mergulhar na literatura ucraniana neh? Há aqueles chatos que vão dizer que é literatura russa, mas considero ucraniana porque Bulgákov nasceu em Kiev, em maio de 1891. Ele morou e trabalhou como médico aqui antes de se estabelecer em Moscou. A casa onde ele morou fica na Andriyivsky Uzviz e foi transformada em um museu dedicado ao escritor.

_DSF7756

Bulgákov nem imagina quanto sucesso sua história fez, já que ele faleceu em 1940, 27 anos antes da publicação do livro. Os Stones gravaram “Sympathy for the Devil” em 1968, ou seja, Jagger tinha lido a história que o inspirou há pouquíssimo tempo. Ele ganhou o livro da sua então namorada, a cantora Marianne Faithful. Fico pensando como esse livro saiu da União Soviética e chegou tão rápido na Inglaterra… Seria por conta da polêmica, já que se trata de uma sátira ao regime soviético?

Mikhail Bulgákov sabia que seu livro nunca poderia ser publicado durante o regime stalinista e chegou, inclusive, a queimar a primeira versão. O autor teve vários problemas com a censura e Stalin o impediu de sair da União Soviética quando ele pediu autorização para viver no exterior, já que estava muito difícil viver de sua obra.

_DSF9647

É importante conhecer essas informações porque elas ajudam a compreender o que exatamente o autor queria dizer ao construir esse universo fantástico e cômico para criticar o regime comunista. A história faz muito mais sentido a partir do momento que você descobre o que motivou o autor a escrever essa obra-prima.

Fiquei completamente envolvida e gostei muito do ritmo frenético de acontecimentos. A citação que abre o livro, retirada do “Fausto” do Goethe, casa perfeitamente com essa história, já que o diabo está presente em ambas. Além disso, Bulgákov brinca o tempo todo com essa contradição entre bem e mal e como tanto um quanto o outro está presente em todos, já que ninguém é completamente bom ou completamente mau, nem mesmo o diabo.

Bom, vou parar por aqui senão começo a divagar demais. Sei que é complicado comparar dois livros tão diferentes, mas confesso que eu gostei muito mais desse livro do que de Anna Karenina (sorry, Tolstói!). Então, se você não tem paciência para encarar calhamaços e gosta de uma história mais dinâmica e repleta de elementos fantásticos, essa é uma boa opção para entrar no mundo da literatura “russa”.

You Might Also Like

11 Comments

  • Reply Ana September 14, 2016 at 3:56 pm

    Que interessante! Desculpa a ignorância, mas eu nunca tinha ouvido falar desse escritor. Fiquei particularmente interessada porque adoro as músicas dos Stones e do Franz Ferdinand que são inspiradas no livro. Você comprou esse livro em português no Brasil mesmo?

    • Reply Alessandra Araújo September 14, 2016 at 10:29 pm

      Oi Ana! Não sei porquê esse livro não é tão conhecido no Brasil. Eu só fui descobrir sobre ele um pouco antes de me mudar para a Ucrânia e olha que eu curto todos esses artistas que foram inspirados por essa história! Essa é a edição brasileira e eu comprei no Brasil sim. 🙂

  • Reply Izzy September 17, 2016 at 3:31 am

    Nunca li uma obra ucraniana na vida. Acho que tá na hora de expandir os horizontes. Fiquei curiosa e quero saber quem é essa Margarida (com m maiúsculo!). E que legal saber que esse livro serviu de inspiração pra essa galera da música! Você sempre traz as melhores informações!

    Outra coisa: e essa roupinha de caveirinhas!? <3 Muito amor!
    As capas da Alfaguara também são tão bonitas. Gosto bastante do padrão que eles seguem na formatação de todos os livros!

    • Reply Alessandra Araújo October 6, 2016 at 7:27 pm

      “Margarida love and destroy”! Eu fiquei impressionada o quão influente foi esse livro e quanto tempo eu demorei pra saber disso, Izzy. Por isso achei que deveria compartilhar todas essas informações. Fora que a história é beeem legal. Que bom que você gostou do meu vestido! É uma das minhas roupas preferidas. Também curti essa capa e queria saber quem é o artista, mas a minha edição não tem o nome dele (ou dela).

  • Reply Marii Guedes October 8, 2016 at 12:25 am

    Nossa, colocando na minha lista do goodreads! Que demais esse tipo de história, queria pegar uma pipoca e ficar aqui ouvindo você falar mais sobre! hahaha

    • Reply Alessandra Araújo October 8, 2016 at 2:28 pm

      Oi Marii! Não falei mais porque o post ia ficar enorme e eu ia acabar dando spoiler hehe.

  • Reply Dois anos de blog, dois anos de Ucrânia – Um Novo Destino October 24, 2016 at 2:30 pm

    […] Ainda teve dicas de filmes (clique na categoria Cultura no topo da página para ver todas) e comecei a ler livros que têm relação com a Ucrânia. Aguardem que tudo será devidamente compartilhado aqui. Continuo adorando morar na Ucrânia, […]

  • Reply Projeto 6 on 6 – Улюблені туристичні пам’ятки (Uliubleni Turistitchni Pamiátki) – Um Novo Destino March 27, 2017 at 1:32 pm

    […] que demonstra o lado bem humorado do ucraniano. É nessa rua que fica a casa onde morou o escritor Mikhail Bulgakov e hoje funciona um museu dedicado a ele. Se quiser saber mais sobre essa rua é só clicar […]

  • Reply Outono Misterioso – Um Novo Destino November 30, 2017 at 3:55 pm

    […] em muitas dessas lendas que envolvem bruxas e seus rituais para escrever suas obras. Ano passado li “O Mestre e Margarida” e algumas coisas que acontecem no livro fizeram muito mais sentido depois desse passeio. Inclusive, […]

  • Reply Visita guiada ao Museu Bulgákov – Um Novo Destino August 7, 2018 at 8:07 pm

    […] porque queria ao menos ler algo do escritor antes de conhecer a casa onde ele morou. Em 2016, li “O mestre e Margarida”, sua obra mais famosa. Fiquei bem animada quando fiquei sabendo sobre essa visita guiada. Já […]

  • Reply Uma semana em Moscou – Museus – Um Novo Destino October 5, 2018 at 7:31 pm

    […] visitar o prédio onde viveu Bulgákov porque esse ano eu tinha visitado a casa dele aqui em Kiev, li o livro dele, então fazia todo sentido visitar esse museu que além de tudo, fica na área da cidade que eu […]

  • Leave a Reply