Cotidiano, Holanda

Passeio fotográfico com Analog Club Amsterdam

December 1, 2021

Comentei no último post que não fiz nenhum registro do passeio analógico que participei em outubro, mas descobri que uma das meninas com as quais troquei ideia, conseguiu capturar o exato momento que o Barry (organizador do passeio) me emprestou um guarda-chuva e uma toalhinha de microfibra para proteger a lente da minha câmera. Até então, eu estava protegendo com um lenço de papel, que não é a melhor opção porque solta pó na lente. Quanto ao guarda-chuva, descobri que não tinha um na minha mochila quando já tinha saído de casa. Sempre deixo um na mochila, mas nesse dia não estava…

Graças à Chië, tenho pelo menos uma foto como registro desse dia que foi meio caótico pra mim, mas valeu super a pena encarar esse desafio. Por coincidência (ou não), ela foi a pessoa com quem mais conversei durante o passeio, por isso me senti mais à vontade para pedir a foto pra ela. Descobri que ela tem um podcast chamado “Talks around the coffee cups”. Tenho escutado e me deliciado com as conversas que ela tem com outros nerds que vivem aqui na Holanda. Ela tem uma voz suave, fala de forma tranquila, quase um ASMR. Segue o link caso você esteja à procura de algo para acalmar os ânimos.

Esse passeio rendeu uma outra conexão com o Alessio, um italiano com quem troquei pouquíssimas palavras, mas depois nos seguimos no instagram e ele chegou a mencionar minha conta numa daquelas ferramentas de engajamento onde você indica outras contas, sabe? Fiquei muito feliz e grata porque não esperava uma indicação de alguém que acabei de conhecer. É sempre muito legal conectar com pessoas que possuem interesses semelhantes aos seus.

Por fim, outro fotógrafo que estava nesse passeio (e depois descobri que é meio famoso) é o Wesley Verhoeve. Tinha muita gente nesse passeio e eu não lembro de ter visto ele lá, mas o Barry compartilhou stories de todo mundo que marcou a conta do @analogclubamsterdam e, logicamente, eu fucei todas. Daí eu reconheci as fotos do Wesley porque ele já foi entrevistado em um canal do YouTube que eu acompanho. A partir daí, descobri vários outros vídeos e podcasts onde ele participou e passei a assinar a newsletter dele que é bem legal. Segue abaixo o vídeo onde tive contato com as fotos dele pela primeira vez.

Espero que vocês tenham gostado de acompanhar essa experiência que a fotografia analógica, o conhecimento da língua inglesa e a internet me proporcionaram. Apesar da chuva, do frio, da pandemia, do meu pouco carisma e de um filme mal carregado, ainda foi possível fazer algumas conexões e colher bons frutos de um passeio do qual eu não estava esperando muita coisa. Não sei se essas conexões serão duradouras, mas pelo menos a porta está aberta.

Seguimos aqui com inverno, pandemia, lockdown parcial e uma nova variante do vírus…

You Might Also Like

6 Comments

  • Reply Gabi December 4, 2021 at 6:16 pm

    Ale, que rolê aleatório e maneiro hahaha.. muito legal! Eu gosto muito desses momentos que a gente se enfia em algo sem saber direito o que é, e acaba conhecendo um monte de gente bacana. Que pena que não conseguiremos ver esse dia pelos seus olhos, que são sempre tão sensíveis e atentos, mas espero que tenha uma próxima oportunidade 🙂

    • Reply Alê December 8, 2021 at 11:22 am

      Foi bem legal ver tantas pessoas envolvidas com fotografia analógica e com certeza haverão outras oportunidades. Espero que eu consiga participar novamente. Beijão!

  • Reply Paloma December 11, 2021 at 5:27 am

    A voz dela realmente é bem suave, mas parece desses comercias inforamativos… nunca tirei fotos na anologica, mas como uma amante da fotografia acredito que seja um divior de aguas ver os efeitos serem criados totalmente cru e sem ter sido manipulaves.

    • Reply Alê December 13, 2021 at 11:28 am

      Oi, Paloma! Sim, fotografar com câmera analógica é uma experiência bem diferente de fotografar com câmeras digitais. Mas ainda dá para manipular os efeitos depois que os arquivos são escaneados. Obrigada pela visita e pelo comentário!

  • Reply Claudia Hi December 17, 2021 at 4:12 pm

    Que divertido Alê! Apesar da chuva, parece ter sido bem proveitoso. Gostaria muito de participar de um grupo assim, que compartilha paixões semelhantes.

    Infelizmente aqui também já chegou a nova variante, mas como o Brasil é lerdo, não tem lockdown nenhum :/

    Aww aproveite o inverno daí por mim. Será que você pode mandar um caminhão de neve pra minha casa?! haha

    • Reply Alê December 20, 2021 at 1:02 pm

      Sim, Claudia até que foi proveitoso. 🙂 Feliz de ver você comentando aqui novamente!
      Quanto à neve, aqui em Amsterdam ela ainda não deu as caras e até agora o inverno está bem ameno. O que eu não acho nada ruim hehe

    Leave a Reply