Cultura, Kiev

Pechersk Lavra

April 29, 2015

Esse é o último post do roteiro de 5 dias que fizemos com nossa amiga que nos visitou em março (o tempo voa, já passou um mês!), mas corresponde ao que fizemos no primeiro dia. Clique nos links para ler sobre os outros 4 dias do roteiro: dia 2, dia 3 – parte 1, dia 3 – parte 2dia 4 e dia 5. A Pechersk Lavra, também conhecida como Mosteiro das Cavernas, foi fundada em 1051 no reinado do Príncipe Yaroslav, o Sábio e se transformou no principal centro do Cristianismo Ortodoxo na Kievan Rus. É uma espécie de Vaticano do Leste Europeu. Assim como a catedral de Santa Sofia, a Pechersk Lavra também é patrimônio cultural da UNESCO. O complexo de 28 hectares é dividido em Lavra Superior (igrejas e museus) e Lavra Inferior (as cavernas), portanto é necessário separar pelo menos meio dia do roteiro para fazer esse passeio.

A estação de metrô mais próxima é a Arsenalna e depois de sair do metrô, tem que pegar o trolleybus número 38 (o mesmo que vai para o Museu da Grande Guerra Patriótica). Dá pra descer em frente à entrada da Pechersk Lavra ou um pouco antes, no parque onde há um obelisco e um memorial às vítimas do Holodomor (extermínio de cerca de 7 milhões de ucranianos na União Soviética) e de lá ir caminhando até a Pechersk Lavra. A foto abaixo é um detalhe do memorial.

_DSF5432

_DSF5449

_DSF5458

Na minha opinião, os destaques da Pechersk Lavra são as cavernas e o museu das microminiaturas. Compramos a visita guiada pelas cavernas e valeu muito a pena. Antes de entrar, você pega uma vela fininha feita de mel para iluminar o caminho. As mulheres devem cobrir os cabelos com um lenço e vestir uma saia verde que é entregue na entrada do mosteiro. Dentro das cavernas, dezenas de nichos guardam caixões com tampa de vidro que revelam corpos mumificados de monges. Ao longo do caminho encontramnos alguns fiéis orando ao lado dos caixões. Foi uma visita muito interessante, mas não recomendada para quem é claustrofóbico.

Para fechar o passeio com chave de ouro, visitamos o Museu de Microminiaturas de Mykola Syadristy. Acho que todo mundo sabe o que é uma miniatura, mas uma microminiatura é algo que só vendo mesmo pra acreditar. Não é permitido tirar foto nesse museu, mas mesmo que fosse permitido, nenhuma foto faria justiça ao que é o trabalho desse cara. O que ele faz é absurdamente surreal, eu nunca tinha visto nada parecido. Comprei o livro pra ter de lembrança e pra minha sorte, ele estava lá e autografou o livro pra mim (não sei se ele está sempre por lá). O Senhor Mykola é um velhinho adorável que conversou em alemão com a minha amiga e tirou foto com a gente (a foto ficou na câmera dela, por isso não postei aqui).

_DSF5490

_DSF5461

Na foto acima, um pouquinho da vista da Pechersk Lavra. De lá dá pra ver a estátua Mother Motherland  localizada no Museu da Grande Guerra Patriótica.

E aqui termina (ou começa, caso você não tenha lido os outros posts) o relato sobre o roteiro de 5 dias com o que há de essencial para se ver em Kiev. Depois da Pechersk fomos almoçar e depois compramos ingresso para o show de uma dupla da Lituânia chamada Beissoul & Einius que tocaria aqui naquela noite. Eles tocaram no Sentrum, uma casa de shows que eu nunca tinha ido. O lugar é sensacional e o show foi incrível, uma bela maneira de dar as boas vindas para a nossa amiga que ficou encantada logo de cara. Kiev tem se mostrado surpreendente a cada dia que passa. 🙂

Fotos por: Rafael Dourado e Alessandra Araújo.

UPDATE: o Museu da Grande Guerra Patriótica mudou de nome e agora se chama Museu Nacional da História da Ucrânia na Segunda Guerra Mundial.

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply Ator ucraniano em “Stranger Things” – Um Novo Destino July 16, 2019 at 2:45 pm

    […] postou no instagram uma foto feita na Pechersk Lavra, onde ele aparece com a mãe e o padrinho. Achei muito interessante a coincidência de Alec […]

  • Leave a Reply