Viagens

Road Trip Alemanha – Frankfurt (Parte 2)

May 23, 2017
_DSF0307

No último dia em Frankfurt fomos ao museu MMK1 para ver a exposição chamada “Tomorrow must not be like yesterday” da fotógrafa Claudia Andujar com fotos feitas no Brasil. Descobri essa exposição quando fomos visitar a exposição do René Magritte no Schirn Kunsthalle que fica a alguns metros do MMK1. Quando li o nome dela pensei “já ouvi falar dessa fotógrafa…”. Entrei no site do museu e minha suspeita foi confirmada e foi assim que fomos parar lá no dia seguinte. Quem acompanha o blog já deve ter percebido que adoro visitar exposições de fotografia quando viajo e elas sempre me deixam muito inspirada. Claudia (#sentalaclaudia) nasceu na Suíça, mas foi morar no Brasil em 1955. Sem falar português, ela percebeu o poder da imagem como linguagem universal e encontrou na fotografia um meio de comunicação com o outro. Alguma dúvida de que eu me identifiquei MUITO com isso?

Seu trabalho tem estreita conexão com a história recente do Brasil, seus constrastes e conflitos. As fotos dessa exposição são resultado das viagens que a fotógrafa fez entre São Paulo e a região Amazônica e elas criam um panorama do Brasil fazendo o contraponto entre a cidade grande e a natureza. No caminho para o museu fiz a foto abaixo da capa de um livro em uma vitrine. Inclusive, eu não conhecia esse fotógrafo e descobri que o trabalho dele é maravilhoso, clique aqui para conferir. Nada maus dar de cara com uma foto feita na minha cidade natal enquanto caminho casualmente por uma cidade da Alemanha.  Dá um orgulhinho, sabe? Em Cologne aconteceu um momento como esse enquanto batíamos um papo com os guias do free walking tour, pois um deles sabia altas informações sobre Brasília sem nunca ter pisado lá.

_DSF0265

_DSF0266-2

_DSF0273-2

_DSF0274

A foto acima é do Cemitério da Consolação em São Paulo. Uma parte da exposição da Claudia Andujar foi apresentada nos cavaletes criados pela arquiteta ítalo-brasileira Lina Bo Bardi em 1968 para uma exposição do MASP. Eles foram retirados de cena em 1996, mas retornaram ao museu em 2015. Fiquei feliz por poder vê-los ao vivo porque quando visitei o MASP eles ainda não tinham voltado. A ideia da arquiteta com esses cavaletes foi de se diferenciar dos tradicionais suportes de apresentação ocidentais. Achei a exposição da Claudia Andujar a melhor do museu, as outras exposições que estavam lá achei bem mais ou menos e pirei muito mais na arquitetura. Fiz váááárias fotos lá, mas poupei vocês e coloquei só algumas.

_DSF0281

_DSF0283-2

_DSF0285

Depois do museu participamos de um alternative free walking tour muito legal e foi o que me fez achar Frankfurt mais interessante porque a primeira impressão da cidade não foi das melhores. Ela é moderna, cheia de arranha-céus, mas não tem o mesmo charme que Berlin tem. O metrô não é nada amigável e pertinho da estação central fica a área dos junkies, uma espécie de cracolândia. O guia nos levou lá e explicou muitas coisas. No dia anterior nós tínhamos caminhado por essa região e já tínhamos sacado a bad vibe. Não é perigoso porque é uma cracolândia alemã neh, minha gente? Tem polícia, tem programa de assistência aos viciados, tem um lugar onde eles têm acesso gratuito a seringas descartáveis, a prostituição é legalizada e tal…

Em nenhum momento me senti insegura, andei com a câmera na mão numa boa, mas não fiz fotos por recomendação do guia que avisou que podia brotar um hell’s angels do nada e quebrar o equipamento. Tinha umas coisas interessantes lá, fiquei bem com vontade de fotografar, mas logicamente não me arrisquei, até porque a câmera é novinha, comprada nessa mesma viagem.

_DSF0300

_DSF0310

_DSF0312

_DSF0315

_DSF0317-2

_DSF0321

Passamos por um parque bem agradável que rodeia o centro. Ele acompanhava o muro que cercava a cidade no período medieval e nós sentamos lá enquanto o guia explicava altas coisas (#sentaquelavemhistoria). O guia falava muito e eu já não lembro da maior parte das informações. Estava um dia super nublado e frio, mas não chegou a chover. Passamos pelo centro financeiro e consegui flagrar o turista empolgado da foto acima subindo na escultura do touro que fica em frente à bolsa de valores de Frankfurt. A figura do touro encara a figura de um urso e as duas simbolizam os altos e baixos das bolsas de valores mundiais além de serem consideradas ícones de Frankfurt.

Durante o passeio o guia ia brincando de advinhação com a gente e sempre perguntava se as construções eram realmente antigas ou eram falsas e tem altas que são falsas. Parecem antigas, mas é tudo fake. Até brinquei que a cidade deveria se chamar fakefurt hehe.

Acabamos abandonando o tour antes do fim porque meu respectivo queria assistir a Fórmula 1. Foi bom porque a essa altura minhas mãos estavam congelando porque eu não tinha levado luvas e o bolso do casaco não estava dando conta do recado. Lição aprendida: levar luvas MESMO que seja primavera.

No dia seguinte voltamos para casa e a road trip pela Alemanha chegou ao fim. Se você chegou aqui agora e quiser ler os posts anteriores, clique aqui.

You Might Also Like

8 Comments

  • Reply Bárbara Hernandes May 28, 2017 at 8:44 pm

    Amo seus relatos de viagem, é sempre tão agradável de acompanhar… fora as fotos, né? Sobre luvas, cara, é muito ruim querer fotografar quando tá frio e você não tem luvas… até perco a vontade! rs

    • Reply Alessandra Araújo July 11, 2017 at 12:24 pm

      Nossa, eu também perco total a vontade de fotografar quando as mãos estão congelando! Obrigada pelos elogios, Bárbara. Fico super feliz por ter leitoras como você. <3

  • Reply Katarina Holanda June 1, 2017 at 9:20 pm

    Que exposição linda! Adorei saber mais sobre o trabalho de Claudia, não conhecia. E não fazia ideia dessas coisas fake, to chocada, hahaha.

    • Reply Alessandra Araújo July 11, 2017 at 12:25 pm

      O trabalho dela é bem interessante, Kat. Parece que ela ganhou uma galeria inteira em Inhotim, se tiver oportunidade de visitar, vá!

  • Reply KARINE June 2, 2017 at 7:48 pm

    que incrível encontrar uma exposição com fotos do brasil na alemanha! demais, alê. e eu AMO fotos com a arquitetura de museus, sério. esse que você foi parece muito maravilhoso <3

    • Reply Alessandra Araújo July 11, 2017 at 12:26 pm

      Sim, é muito maravilhoso. Pensei muito em você lá porque tenho certeza que você ia pirar!

  • Reply Nath June 3, 2017 at 5:09 am

    Fiquei bastante interessada no trabalho da Claudia. Vou procurar saber mais!
    E adorei as fotos as always hehe

    Beijos

  • Leave a Reply